Segunda-feira, 22 de Abril de 2013

O gato e o copista

 

Em 1420, no que é hoje a Holanda, um copista descobriu que um gato tinha urinado numa página que ele escrevera. O copista incluiu no livro a ilustração e a descrição do ocorrido e acrescentou ainda um conselho:

Nada falta, mas um gato urinou aqui, uma certa noite. Maldito seja o gato que urinou no livro durante a noite, em Deventer e, por causa dele, todos os outros gatos. Tende cuidado para não deixardes livros abertos, à noite, onde os gatos possam ir.

 

(Lido aqui.)

Que os gatos gostam de livros, já se sabia. Mas não que a sua familiaridade com eles vinha de tão longe. Nesta outra imagem, retirada do mesmo site, um gato deixou o rasto da sua "escrita" sobre um pergaminho do séc. XV: 

 

publicado por arcadajade às 20:45
link do post | comentar
correio da arca

espólio da arca

sobre mim

tags

todas as tags

RSS

moon phases